Cantinho da Flor

Para Quem Quer Qualidade de Vida

Livre, leve e solto

Gabriela RaulinoNo escurinho do cinema

O filme como opção para todos os gostos e bolsos

Por Gabriela Raulino

 

“Sétima” na arte, primeira na opção de lazer. Você já parou para pensar as delícias, surpresas e emoções que a produção cinematográfica – facilmente – pode proporcionar em algum momento “preto e branco” da rotina? Viaje nessa, dentro ou fora das salas comerciais.

Luz, câmera….ação! Ou ficção, romance, aventura, comédia, drama… A sétima arte é para todos os gostos, horários e bolsos. Tudo bem, as sessões de cinema estão cada dia mais caras e “elitizadas”. Mas quem disse que tudo está perdido?! Há muitos detalhes e possibilidades que fazem a diferença dessa arte.

Entrar no cinema é uma das boas (e poucas!) possibilidade de largar todo o cenário lá fora: as buzinas, o calor, o trânsito estressante, os telefonemas, o movimentado ambiente do trabalho. A luz se apaga e pronto… É você (quem sabe, alguma boa companhia) e um universo de imaginação que se abre na telona lhe convidando a viajar. Ahhh, o quê mais você quer do dia, colega?!

A possibilidade de suar frio, emocionar-se, ficar tenso, querer casar (e descasar também), rir, torcer, duvidar. O grande lance é a possibilidade de fechar a janela da realidade e entregar-se a ser cúmplice de uma história e dos sentimentos que você estiver a fim naquele momento. Afinal, as infindáveis opções de gêneros são diretamente proporcionais às variações de humor que você pode ter. Que sorte, hein?!

“No escurinho do cinema, chupando drops de anil”, até nossos pais já se davam bem! Mas é claro que, até entrar nessa experiência desejável da qual vos falo, você talvez tenha que pegar um ônibus lotado, enfrentar o volante, não ter carteira de estudante para pagar meio ingresso (ou achar caro mesmo assim) e até ter o direito de odiar shopping (inegavelmente, a maioria das salas de projeções cinematográficas está lá).

Tá! Reconheço ainda que a lista de opções oferecidas pelos cinemas nem é tão longas e, que por mais que o trailler prometa, no fim das contas o filme pode ser uma m$#&*$!

Ei, mas o que na vida não é assim?! Todas as opções vêm recheadas de ônus e bônus. A única coisa que não tenho dúvidas é que é preciso se entregar e mudar a rotina. Faça a programação, liga para um amigo, arrisca o convite ao seu romance, ou simplesmente ache que hoje é dia de sair sozinho mesmo, e ponto! “Já é!”. Principalmente, se isso lhe acontecer num dia que não lhe prometa mais nada, tipo aqueles inícios de noite de uma terça-feira.

Relaxa, colega. Experimenta (e sem moderação!). Se não está a fim de encarar o mundão lá fora, vai à locadora ou compra um “genérico” (alguns vendedores até trocam o filme depois que você assiste, é só voltar algum realzinho). Não deu? Pede emprestado àquele seu amigo que é orgulhoso por ser o “rei do piratão”.

Sem mais desculpas, e uma vez escolhido o filme, senta na sua cama, ou no sofá, de preferência com o seu travesseiro preferido. Encare uma pipoca de microondas, outra comida preferida, ou nem coma nada se não quiser compartilhar dessa cultura comercial. Mas viaje na tela. Viva uma trama pelo menos uma vez por semana – de preferência variando os gêneros.

No mínimo, essa experiência vai lhe render descanso e novas histórias pra contar. Se nada, naaada disso acontecer, me manda ao menos um e-mail ácido de críticas pela errada dica e jurando nunca mais voltar a ler esta coluna. Afinal, desabafar é uma das vertentes para viver “livre, leve e solto”. Tá valendo!

_______________________________________________________________________________________

Gabriela Raulino, Tecnóloga em Lazer e qualidade de Vida, jornalista e adora o escurinho do cinema.

Anúncios

1 Comentário»

  Narla Musse wrote @

Gabriela, eu adorei seu texto. Adoro cinema e consegui fazer com que meus filhos também fossem seduzidos pelo escurinho do cinema. Para nós, o melhor é sair de casa e ir ao cinema. Sentar e viver todas as etapas deste ritual: comprar o ingresso, pipoca, escolher o lugar (claro que chegando cedo), assistir aos trailers dos próximos e já optar pelo melhor…é muito bom.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: